Mesa Diretora propõe projeto e garante economia para a Câmara Municipal

Câmara realiza entrega de certificados para mais uma turma do curso de Informática Básica
26 de abril de 2019
Mata-burro no bairro da Cachoeirinha é reformado
26 de abril de 2019

Prezando pela economia a Mesa Diretora apresentou um projeto de Lei Complementar extinguindo alguns cargos e adequando uma nova função que será preenchida a partir de concurso público.
Aprovada por todos os vereadores na última segunda-feira, dia 22, na 11ª Reunião Ordinária, o projeto gerará uma economia orçamentária aos cofres públicos estimada em R$ 275.670,27 (valor anual da folha de pagamento caso os cargos estivessem preenchidos).
Foram extintos um cargo Técnico Legislativo, um cargo Técnico em Contabilidade, quatro cargos de Agente de Serviços Gerais e uma função de confiança.
Para atender a demanda do Legislativo, após a extinção de todos estes cargos, foi criado apenas um cargo de Agente de Limpeza, Copa e Cozinha com remuneração equivalente ao valor de mercado.
A Câmara contratava terceiros, mediante licitação, para a limpeza do seu prédio. Agora, com este projeto, fará um concurso para contratar um servidor efetivo para tal função. Esta mudança, como dito, gerará grande economia aos cofres públicos.
A Mesa Diretora enfatizou a importância da economia para priorizar as ações primordiais da Casa Legislativa e afirmou que outras medidas serão tomadas para a boa gestão do dinheiro público.